7.4.13


Conhecem Cícero? Desde a primeira canção dele que ouvi, Tempo de Pipa, adorei . Ele lançou um CD chamado Canções de Apartamento (vocês podem fazer o download aqui) e todas elas são adoráveis.
Fui chamada pelo André Luiz do blog Quer me Dar? para participar de um projetinho bacana que funciona da seguinte forma: Cada blogueiro escreve um texto baseado em uma canção do Cícero.
Ele fez o sorteio e a música sorteada pra mim foi: Ensaio sobre ela.
Espero que gostem.



Foto por: Victor Malheiros
Foi um susto tão grande acordar e abrir os olhos naquela manhã de sábado, quando me virei e senti os raios do sol que passavam pela cortina meio aberta e batiam no meu rosto. Me perguntei o que eu teria feito de errado para ela ter essa vontade de sair sem me deixar saber. Eu nem vi quando ela acordou. Ainda meio atordoado, me levantei e olhei pela cortina, que estava  toda aberta  e lá estava ela brincando com o meu vira-lata.
-Teimosa! eu não te falei que ele estava sujo?- gritei, com os olhos semi-abertos tentando me acostumar com a claridade
-Eu não resisti! ele é muito fofo! -ela respondeu sorrindo e vindo em minha direção- Tenho mais 30 minutos antes de sair para o trabalho. Vamos tomar café? abre lá a porta pra eu entrar!
-Você... pulou a janela?
-De que outra forma eu ia sair de casa? não sei onde você coloca as chaves!
Ela era incrível. E essa noite eu... não sei, foi como ser feliz de novo.
Nos sentamos à mesa, tomamos o café o tempo todo em silêncio. Mas era um silêncio gostoso, com direito a sorriso bem discreto no canto da boca, da minha parte e da dela também.
-Preciso ir. Não quero perder meu emprego! -ela abriu a bolsa, pegou uma caneta, puxou o meu braço e começou a anotar-  Mande uma mensagem pra esse número. É o meu, depois eu salvo o seu. Ah, o seu cachorro, tem um sapato destruído no quintal! Tchauzinho!
Respirei fundo, eu realmente estava feliz de novo. Tão feliz que esqueci do... AH NÃO, OUTRO SAPATO NÃO!
O dia virou noite e fiquei pensando nela. Mandei uma mensagem mas ela não respondeu.  Escrevi sobre ela,  até fiz um desenho e uma canção sobre ela!
-Boa noite! -ela estava atrás de mim-
-Nem vi você chegar!
-Pulei a janela de novo. Só pra te provar que não adianta trancar a porta e deixar a janela aberta. Eu já teria te matado e roubado todos os seus bens.
-Você é louca? -Eu respondi mais preocupado tentando esconder meus ensaios sobre ela do que com o fato dela ter invadido a minha casa.
- Na verdade eu não voltei só para te provar isso, eu esqueci a minha agenda. Você viu por aí? ela é cinza claro com uns detalhes rosa.
-Quer ficar mais essa noite? ainda faz um tempo bom para disperdiçar comigo e, além do mais, amanhã é domingo.
Ela aceitou. Ela espetou sua casa aqui, espalhou seu suor sobre mim, ameno, e eu nem vi. Foi como ser feliz de novo, pela segunda noite seguida.
 

Marcadores: , , , , ,



comments powered by Disqus







a blogueira


Olá. Eu sou a Ana, tenho 20 anos e acabei de sair de Petrópolis (região serrana do Rio de Janeiro) para viver novas experiências na grande São Paulo. O Bolas de Meia é o meu cantinho onde compartilho um pouco do que sei, vejo, vivo e sinto. Para me conhecer melhor, clique na foto acima ou me encontre nas redes sociais abaixo.





facebook






categorias


instagram


link-me!
Bolas de Meia -
Bolas de Meia -


correio




publicidade

Choies-The latest street fashion
www.lalalilo.com
lalalilo.com
arquivos

















Bolas de Meia - 2011 ~ 2013 ©
Todas as postagens aqui contidas são de autoria da Ana Arantes, exceto quando apontado o contrário. As imagens utilizadas são fruto de reproduções, e se você teve seu conteúdo publicado aqui e deseja que seja retirado, entre em contato em contato@bolasdemeia.com.




Design e codificação por Júlia Duarte.



From scratch, with ♥
Powered by Blogger.
Ícones We ♥ Icon Fonts
Ilustrações: Malena Flores