Me siga!

12.6.18

Faltou café: Explorando Downtown, Los Angeles.


Eu sinto que sou péssima em primeiros encontros. No meu primeiro encontro com Los Angeles, fiquei tão encantada que saí desembestada fazendo vídeo de tudo, tirando fotos de quase nada, e hoje eu sinto que perdi uma sensibilidade que eu tinha para fotografar. Ou talvez eu tenha me tornado mais crítica, o que pode ser uma coisa boa.

Eu publiquei alguns vídeos no YouTube, mas nem metade do que eu produzi está lá. Aliás, tenho tanto arquivo pessoal! E não digo só da minha primeira vez nos Estados Unidos, mas de toda a minha vida!

Eu fiz vídeos da minha chegada, da minha primeira vez no Pier Santa Mônica, tem até a playlist onde estou soltando os vídeos da minha primeira Roadtrip com o Andres. Venha conferir aqui
Mas eu ainda tenho um zilhão de vídeos para postar e já estou aqui de novo...

Certas coisas nunca mudam!


Esse border collie é o Rocky. Não se deixe enganar pelo ângulo, esse bicho é enorme, apesar de ser um nenê ainda. Acabou de fazer 2 anos e adora brincar. Mas detesta humanos. Não chegue perto sem ter certeza que já o conquistou, ele vai tentar te morder. Mas, depois de jogar uma bolinha algumas vezes, você terá o coração dele para sempre!

Eu e Rocky somos a maior companhia um do outro durante a semana, enquanto o Andres trabalha. E a minha rotina aqui não é muito diferente da de São Paulo: acordo, faço café, começo a trabalhar, levo o Rocky para um passeio nas quadras próximas (a.k.a: minha zona de conforto), faço algo pra comer e fico trabalhando até o Andres chegar.

Mas dia desses eu decidir ir além da zona de conforto por um simples motivo: faltou café!

Faltar café significava que eu teria que ir à uma cafeteria ou ir ao mercado, ficar sem café não era uma opção. E, por ironia do destino, eu passo todos os dias em frente a uma cafeteria bem fofa. Já consumimos ali uma vez, os caras que trabalham nela sempre acenam para dar bom dia e, às vezes, puxam um papo e outro.


"Sh*t people, good coffee and cute puppies!"O café No Ghost Bears é pet friendly. Pequeno, tem poucos lugares disponíveis para se sentar, mas o bom mesmo é ficar do lado de fora e bater um papo com a galera. Acho necessário dizer que ele não tem banheiro, mas eles te indicam um, caso precise... hehe. 
Alguns rostos e cachorrinhos já me são familiares, tem gente que eu vejo todos os dias. O clima é muito gostoso e o café é realmente bom. Eu não sei exatamente qual eu bebi, nem olhei o cardápio. Pedi algo doce, que tivesse cafeína e textura mais cremosa. Eles me deram um Latte, não sei se com alguma adição. 

Conversamos sobre o Rocky e sobre como é estar de volta em Los Angeles e eu me senti muito bem em quebrar a minha rotina nesse ponto. Sair sozinha e interagir com as pessoas? Tenho certeza que errei no meu inglês algumas vezes, mas nós nos entendemos em gênero, número e grau! Yay!


Estava começando a ficar divertido andar pelas ruas de Los Angeles. Sabe aquela corridinha para atravessar a rua quando o sinal está fechado, mas não tem nenhum carro vindo? Então, aqui ninguém faz isso. As ruas são muito bem vigiadas e quem o faz geralmente é multado. 

E os prédios... dificilmente eu vejo algum que eu não moraria. São antigos, A maioria deles tem aquele ar de apartamento industrial, o meu estilo favorito. Janelões, tijolos, teto alto, muito espaço... não se faz mais prédios como antigamente!

Marquei no google maps um destino, um parque. Ele parecia longe e realmente era! As quadras aqui são enormes... fui até o meio do caminho, decidi voltar porque comecei a sentir fome, mas observei algumas coisas que me despertaram a curiosidade:


Esse bar, por exemplo... eu e o Andres sempre passamos em frente e comentamos sobre a nossa curiosidade em entrar. Quem sabe em um próximo post? Nós temos uma lista bem grande de bares para visitar em DTLA.

Mas um que conhecemos e adoramos estava a poucos blocos dali, o Rythym Room. Tem jazz ao vivo aos finais de semana, mesas que também são tabuleiros de xadrez, os mais diversos jogos de tabuleiro, sinuca, pingue-pongue, dardos... mas a galera lá não é de dançar muito. Mas para comer, beber e jogar, é ideal!




Depois de alguns minutos caminhando, cheguei na rua Broadway. Encontrei duas das chamadas "utility boxes" e elas eram um tanto quanto curiosas, tinham desenhos e contavam algumas histórias. Como a Broadway era só passagem, decidi registrar e pesquisar com calma chegando em casa. 

Pois bem, existe um plano de desenvolvimento econômico estratégico de 10 anos (teve início em 2008) para a revitalização desse corredor histórico da Broadway.
Bringing Back Broadway é uma iniciativa do vereador Jose Huizar e essas "utility boxes" somam 21 no total.

O artista é Christian Ceci e as caixas começaram a ser pintadas no ano passado. Cada uma delas tem um pedacinho da história do corredor da Broadway e elas se estendem entre a 1st Street e a 12th Street. 

E eu DU-VI-DO que o Andres sabe disso! Já sei mais de Los Angeles (historicamente falando) do que ele! hehehe


O prédio de Belas Artes de Los Angeles é citado no filme 500 Days Of Summer (500 dias com ela) como o prédio favorito de Tom Hansen, personagem de Joseph Gordon-Levitt. Se eu tivesse me lembrado disso enquanto estava lá, teria tirado foto do prédio, e não só do poste em frente, com algumas informações históricas, mais uma vez.. haha!

Mas posso garantir que, realmente, é uma arquitetura muito bonita, romântica. Numa próxima oportunidade eu juro que fotografo!


Outra curiosidade sobre Downtown é que você vai ouvir sirenes a cada 20 minutos, no mínimo! Não sei se é um exagero meu, mas as pessoas parecem sempre estar em perigo por aí, embora tudo pareça muito calmo.

Por fim, o melhor fato sobre Los Angeles é que eu só saí por aí explorando e fotografando sem medo porque a cidade é muito segura. Aliás, as pessoas por aqui andam com seus telefones e câmeras na mão o tempo todo! E isso, por mais doloroso que soe, é uma coisa que eu tenho medo de me acostumar, sei que teremos um longo caminho para chegarmos a esse ponto em São Paulo ou no Rio de Janeiro, por exemplo.


Resumo da ópera: Faltar café foi um sinal de Deus / do destino / da vida / do cosmos (insira aqui o que você acredita) para eu largar de ser preguiçosa e ir fazer algo realmente empolgante. Pode parecer pouco aos olhos de algumas pessoas... mas como uma boa pessoa otimista, posso dizer que foi uma quebra de várias barreiras. Mal posso esperar para mais!

Ah, caso queira saber mais sobre a revitalização da Broadway, esse é o site oficial. Acho bacana você considerar entender, caso esteja planejando vir pra cá!

Volto em um próximo post com mais novidades, obrigada por ler até aqui!
Te vejo nas outras redes sociais! 

Beijos,
Ana.
26.2.18

Oi, sumido...



... vi que você não tem sido atualizado pela sua autora, queria saber se está tudo bem!


Às vezes eu me sinto como um bichinho que sai da toca, deixando rastros por onde passa porque SABE que vai se perder, mas sempre vai com a intenção de voltar.

Quanto tempo a gente não se fala por aqui? A galera que lê blogs ainda existe? Onde vivem e como se alimentam? E os blogueiros? Ainda lembram de renovar seus domínios? Esse ano eu quase esqueci! Imagina só perder o Bolas de Meia... O nome do blog, que embora já não me represente taaanto, carrega tanta história!

Sinto que existe uma falha nessa linha do tempo. Aconteceram coisas extremamente importantes e cruciais na minha experiência de vida como humana nessa terra (eu não acredito em reencarnação, mas caso exista, eu sei que nunca seria a mesma experiência). Mas apesar da desatualização dessa página, os rastros citados na primeira frase desse post ficaram no meu instagram e no meu canal no youtube. Eu sempre acho algum jeito de registrar.

Mas vamos lá! Vamos tentar tapar esse buraco:

Eu me formei na faculdade, curso de Mídias Sociais Digitais, consegui um emprego na minha área, que me permite trabalhar de onde eu quiser DO MUNDO INTEIRO! Isso possibilitou que eu realizasse o primeiro dos roteiros que escrevi 3 anos e meio atrás nesse blog, naquele post ''5 roteiros para os próximos 5 anos', lembram? =) [Em breve falaremos mais sobre como isso tudo se deu, mas já adianto que foi em Pacific Coast, Califórnia]

Essa viagem me ajudou a perceber na marra que trabalhar de onde eu quiser no mundo inteiro não é lá esse glamour todo! Na verdade, a minha experiência foi bem difícil e um tanto frustrante, mas ainda assim, bem legal e extremamente válida.

Saudades, Califórnia!
Virei o tipo de pessoa que eu mais odiava: a que nega sair com os amigos porque tem que trabalhar no dia seguinte. SIM, parecia impossível, mas hoje em dia sou essa pessoa. Amigos que critiquei por fazerem isso, me perdoem! Agora eu entendo vocês e admito que é uma delícia estar deitada na cama às 22h, assistindo uma série na Netflix até pegar no sono!

Eu trabalho como social media prestando serviço para uma agência, sou uma freelancer. Também dou aulas sobre mídias sociais no Instituto de Cinema de São Paulo e, vez ou outra, eu dou consultoria sobre redes sociais.

Apesar de estar me sentindo muito estressada ultimamente com algumas coisas específicas no meu trabalho, estou muito feliz com tudo que conquistei profissionalmente até hoje.

Estou cercada de pessoas incríveis e tenho um contato muito próximo com algumas das que mais admiro. Sair da minha bolha social me assusta muito... Vejo cada compartilhamento no facebook que às vezes fico desesperada, sem saber onde vamos parar! Mas enfim, a vida continua sendo boa enquanto eu conseguir manter a minha positividade.

Daqui a alguns dias vou completar 23 anos, estou namorando esse cara e redescobri o amor. Na verdade, cheguei à conclusão de que o amor não é uma coisa para definir... Não sei nem se ele pode ser categorizado como um ''sentimento''. O amor é tão inexplicável que ele é muito mais do que só isso.

Ah! E eu voltei a escrever um diário. Que terapia maravilhosa! Parece mágica... Muitas vezes começo a escrever aos prantos e, quando termino, estou leve como uma pena. E por falar em terapia, estou procurando um analista, acho que vai ser bom pra mim... É bom pra todo mundo. Inclusive, se você não faz terapia, deveria, viu? Ter um psicólogo é tão importante como ter um clínico geral, por exemplo. Um cuida do seu corpo, enquanto o outro cuida da sua mente  .


É isso, um resumão do que tem acontecido nos últimos tempos.

Que delícia matar saudades! Nos vemos em breve!

Beijos,
Ana.

PS: A foto de abertura do post é da Dani Nogueira. Ela está fotografando e arrasando! E a segunda é do Andres, em uma das tardes que saímos para explorar Los Angeles.
3.10.17

5 motivos para fazer alongamento de cílios


Alongamento de cílios é aquela coisa, né? TEM QUE confiar no profissional que vai fazer. Comecei o post assim porque eu nunca fui esteticamente vaidosa, mas se vocês assistem os stories lá no meu instagram (@_Lhana), perceberam que fiz o tal do alongamento de cílios e agora estou erguendo as mãos para os céus e agradecendo a Deus pelo avanço nessa área, e bem na minha geração! HAHA.

Parei para pensar como isso facilitou a minha vida até agora. Estou há 2 semanas com o meu e decidi compartilhar um pouco da minha alegria e os motivos de fazer o alongamento. Vamos lá?

  1. 1. O RESULTADO É IMEDIATO
    Sim, você fica 2 horas deitada sem poder abrir os olhos. Mas eu dormi em pelo menos 70% do processo –inclusive a Gabi me deu até mantinha para eu me sentir mais confortável–, então essa vantagem número 1 veio com bônus! E assim que você abre os olhos, a mudança já está lá! E a melhor parte é que ela não vai embora tão cedo!

  2. 2.VOCÊ ACORDA COM CÍLIOS LINDOS TODAS AS MANHÃS
    A primeira noite com os cílios alongados foi meio bizarra. Eu sou do tipo de pessoa que arrasta a cara no travesseiro e não para de se mexer. Claro que tenho mais cautela com a área dos olhos mas, com o tempo, você percebe que não é tão difícil assim manter tudo no lugar. Se olhar no espelho de manhã e ter uma coisa já pronta melhora a sua manhã consideravelmente, apontam estudos (feitos por mim comigo mesma).

  3. 3. ADEUS OLHEIRA DE RÍMELSe eu pudesse escolher um motivo favorito, sem dúvidas seria esse. Rímel é um daqueles itens básicos que eu raramente saio sem. Chegar em casa a noite, cansada e tirar make é aquele drama. Mas eu sempre tiro. O negócio é que só pra tirar o rímel todo, eu demoro o dobro do tempo que levei para fazer a make! Não é uma sensação horrorosa?
    Mas com o alongamento de cílios meus problemas acabaram, minhas amigas! Usar rímel não é nem recomendável. Fazem 2 semanas que não sei o que acordar parecendo um panda e me sinto ótima!


  4. 4. AS SELFIES FICAM LINDAS
    Para ser bem sincera mesmo, acho que pelo menos 95% das mulheres da nossa geração pegam no celular para fazer a famigerada selfie nos primeiros 5 minutos de olhos abertos pós aplicação do alongamento. E não é uma coisa para se envergonhar! Não ficou lindo? Tem que mostrar mesmo!!


  5. 5. EXISTE MAIS DE UM TIPO, PARA QUALQUER GOSTO.
    Quando fui ao Guapa Studio a Gabi me apresentou 3 tipos de alongamento: fio a fio –nome auto explicativo–, volume russo –onde os fios recebem um "leque" de cílios postiços e, por isso, fica bem mais cheio– e o híbrido, que é uma mistura desses dois, e foi a técnica escolhida por mim. Do discreto e com aparência natural ao mais exagerado passando pelo meio termo. Perfeito para todas nós. Amém!

Foi assim que acordei no dia seguinte. Pode tocar Flawless da Beyonce!

CUIDADOS QUE SE DEVE TOMAR AO FAZER ALONGAMENTO DE CÍLIOS:
  • Não molhe os cílios nas primeiras 12 horas. Isso enfraquece a cola.
  • Demaquilante à base de óleo também. Lencinhos humidecidos são ideais.
  • Água muito quente também enfraquece a cola, cuidado com o banho!
  • Pentear todos os dias. Geralmente você ganha uma escovinha!
  • Não use rímel, não precisa! ;)
  • Manutenção a cada 3 semanas (e o valor não é o mesmo da aplicação, é bem mais barato!)
Acho que é isso! 

Lembra que falei lá no início que você tem que confiar em quem vai fazer? Então... eu fiz o meu no Guapa Studio, com a Gabi. A conheci por indicação de uma amiga. Uma amiga que confio muito e sei que jamais me colocaria em furada. 

Então, de amiga para amiga, eu recomendo! Aliás, se falar que foi por minha indicação, ganha 30% de desconto! ;)

Mais informações no instagram ou no facebook. Além de alongamento de cílios, o studio oferece design de sobrancelhas e maquiagem! ;)

Gostaram dos motivos? Restaram dúvidas? Qualquer coisa é só falar e agente conversa!

Beijos!