17.7.13



Eu sou dessas pessoas extremamente românticas. Creio no bem e no amor. Acredito que as pessoas são capazes de amar de verdade e mudar por alguém. Acontece que ser romântica hoje em dia está cada vez mais difícil, já que vivemos em um mundo onde as pessoas insistem em me provar o contrário, sabe? Tentam me fazer desistir de acreditar que esse tipo de coisa pode acontecer. "Só acontece em filmes ou em livros", "Homem é tudo igual, tudo safado", "Isso não existe mais. Hoje ninguém quer compromisso sério, trair é normal" eles dizem. Não posso negar, em parte eles estão certos. Mas generalizar não é radical demais?
Acontece que muitos de nós somos tão ligadas ao passado que temos medo de tentar de novo. Não preciso nem pensar por muito tempo, sei de cor quantas vezes já me machuquei ao gostar de alguém. Quem nunca? Mas eu precisei entender que um dia ia chegar alguém que me fizesse saber o motivo de nunca ter dado certo antes.
Dia desses um amigo veio conversar comigo. Ele e a namorada terminaram. Eles tinham planos de morar juntos, se casar e tudo mais. O motivo foi que os dois estavam brigando muito, que os dois tinham errado muito no passado, superaram mas ela sempre se lembrava de algumas coisas e isso doía. É, relembrar o passado dói mesmo. Mas passado é passado, a gente não vive mais lá. Bem, esse amigo se mostrou bem arrependido. Ele mudou e amadureceu com ela. Mas não teve jeito, o que eles tinham chegou ao fim, pelo menos por enquanto. Mas ele pareceu tão disposto a continuar mudando, ele quer ficar com ela a qualquer custo. Ver uma pessoa assim me comove. Isso me comoveu, e muito. No mundo de hoje, seria normal ele aceitar, virar as costas e sair por aí, aproveitar a vida de solteiro, procurar outras garotas. Mas não. Ele insiste, ele a ama. E aí, os homens são todos iguais? Acho que não. São homens como estes que ainda me fazem acreditar no que acredito. No fim das contas, eu não sei o que ela sente por ele, mas acho que vai ser difícil ela encontrar alguém tão disposto a fazê-la feliz como ele está.

Por favor, saibam que para sermos felizes, precisamos guardar só as lembranças boas, deixar as ruins pra lá. A coisa mais errada a se fazer é afastar de nós aqueles que nos amam, que mudaram para melhor pela gente. 
E quando nós acreditamos nas coisas boas, elas acontecem. É sério, estou falando isso por experiência própria. 

Tem uma frase da Tati Bernardi que eu levarei para a vida: "O mundo pode continuar feio que eu vou continuar sentindo coisas bonitas".


Marcadores: , , , , ,



comments powered by Disqus







a blogueira


Olá. Eu sou a Ana, tenho 20 anos e acabei de sair de Petrópolis (região serrana do Rio de Janeiro) para viver novas experiências na grande São Paulo. O Bolas de Meia é o meu cantinho onde compartilho um pouco do que sei, vejo, vivo e sinto. Para me conhecer melhor, clique na foto acima ou me encontre nas redes sociais abaixo.





facebook






categorias


instagram


link-me!
Bolas de Meia -
Bolas de Meia -


correio




publicidade

Choies-The latest street fashion
www.lalalilo.com
lalalilo.com
arquivos

















Bolas de Meia - 2011 ~ 2013 ©
Todas as postagens aqui contidas são de autoria da Ana Arantes, exceto quando apontado o contrário. As imagens utilizadas são fruto de reproduções, e se você teve seu conteúdo publicado aqui e deseja que seja retirado, entre em contato em contato@bolasdemeia.com.




Design e codificação por Júlia Duarte.



From scratch, with ♥
Powered by Blogger.
Ícones We ♥ Icon Fonts
Ilustrações: Malena Flores